Medicina

O Câncer de Próstata e a Importância do Diagnóstico Precoce

Por Hercoles Guidine e Ana Katariny - 26 de novembro de 2020
A Importância do Diagnóstico Precoce do Câncer de Próstata

O que é o câncer de próstata?

O câncer de próstata é definido como o aumento da próstata, possuindo localização anatômica na região inferior do abdômen, complementar do grupo reprodutor masculino.

A próstata possui finalidade em realizar a produção de sêmen fluido, contendo os espermatozoides que são liberados durante o ato sexual. Atualmente no Brasil, o carcinoma de próstata é considerado o segundo câncer que acomete o sexo masculino possuindo um quadro de morbimortalidade aumentado nas últimas décadas.

Segundo o (INCA) Instituto Nacional do Câncer, a cada 100 mil homens 51 deles serão diagnosticados com carcinoma prostático.  Da mesma forma, a (SBU) Sociedade Brasileira de Urologia relata que um em cada seis homens com faixa etária de 45 anos podem adquirir está patologia sem possuir sinais e sintomas, ou seja, sendo eles assintomáticos e dificultando o diagnóstico precoce da doença.

Principais sinais e sintomas:

Dispondo caraterísticas por ser uma patologia silenciosa em sua fase inicial, com o agravo da doença podem surgir sinais e sintomas como:

  • Infecções do trato urinário,
  • Insuficiências renais,
  • Fluxo urinário interrompido,
  • Nictúria,
  • Presença de sangue na diurese ou sêmen,
  • Disfunção erétil,
  • Augias ósseas e dormência nas pernas e pés.

Diagnóstico Precoce:

Para o diagnóstico precoce é necessário a realização do rastreamento naqueles indivíduos que possuem casos de câncer na família e fatores de riscos prevalentes para qualquer tipo de carcinoma. Além disso, a realização dos exames após a faixa etária de 45 anos facilita o diagnóstico inicial facilitando o tratamento.

Os exames são realizados conforme a conduta médica sendo capaz o toque retal, biopsia, PSA, ultrassonografia e estudo histopatológico. O diagnóstico pode ser evidenciado mesmo não surgindo sinais e sintomas apenas pela porção de antígeno prostático especifico PSA, existente na corrente sanguínea. Portanto, havendo alteração em qualquer exame, ocorre a realização da biopsia para diagnóstico da existência de carcinoma da próstata.

Além disso, devido ao câncer de próstata se desenvolver lentamente e muitas das vezes sendo assintomático, o rastreamento precoce é de suma importância para o diagnóstico e tratamento inicial, tornando as chances de cura e tratamento mais percentuais evitandos agravos maiores.

Tratamento:

O tratamento é realizado conforme o estágio da doença, podendo ser cirurgia radical aonde é retirado a próstata. Nestes casos é optado quando o estágio do carcinoma já está crônico, não aceitando outros tipos de tratamento como radioterapia e analise vigilante, sendo opcional a frente do diagnostico em pacientes com idade maior a 75 anos com tumores de nível baixos histologicamente e com expectativas de vida limitada.

Conclusão

 A suprema prevenção para o câncer de próstata deve ser realizada entre dois graus de programas preventivos, sendo a primária que visa prevenir o acontecimento da patologia limitando a exposição a agentes que fornecem fatores predispostos como tabagismo, sedentarismo, qualidade alimentar reduzida, dentre outros. Além disso, o grau secundário consiste no diagnóstico precoce por intermédio do rastreamento com finalidade em diminuir os casos e aumentar o nível de qualidade vida  e cura dos indivíduos acometidos por esta doença. Portanto, segundo o (MS) Ministério da Saúde, recomenda-se que homens efetivem os exames para diagnóstico realizando decisões embasadas nas informações disponíveis e retirem suas duvidas com profissional médico, visando os benéficos, riscos e limites de exames de rastreamento para o câncer de próstata se prevenir é um ato de amor e cuidado pela vida.

  Referências:

Instituto do Câncer alerta sobre a importância da atenção à saúde do homem na campanha novembro azul

Instituto do Câncer do Estado de São Paulo.

Diagnóstico personalizado ou rastreamento universal do câncer de próstata?

Instituto Oncoguia.

 

Gostou deste post? Então deixe um comentário, compartilhe com a gente e com os nossos demais leitores, a sua opinião e as suas ideias sobre o assunto!