Treinamento

Treinamentos de Segurança Presenciais x Online

Por Victor Hugo Botarro Vidal - 16 de novembro de 2017
Treinamentos-seguranca-presenciais-online

No mercado de trabalho atual é preciso que as empresas estejam atentas em preparar seus colaboradores a trabalhar de forma segura e não tratar esta medida apenas como requisito legal, cumprindo as normas legais do Ministério do Trabalho e Emprego.

Com isto, algumas consequências saem do controle e, com a urgência em implantar segurança nas organizações, as empresas estão optando por treinamentos de baixo custo. Desta forma, não capacitam de fato seus colaboradores.

Os Treinamentos de Segurança têm como principal objetivo preparar os funcionários a agirem de forma prevencionista para contribuir em formar um ambiente de trabalho mais seguro e evitar os possíveis riscos, acidentes e até doenças ocupacionais, transformando a sua organização em referência no mercado.

Com os avanços tecnológicos os treinamentos tornaram-se muito mais acessíveis às empresas. Algumas já adotam a metodologia em utilizar plataformas online, outras ainda se mantém inseguras sobre suas vantagens e eficiência optando, ainda, pelos treinamentos tradicionais em salas de aula.

Para confrontar as diferenças e semelhanças dos Treinamentos de Segurança Presenciais em relação aos Online, listamos a seguir alguns tópicos de comparação:

Tempo

Presencial:

Os métodos tradicionais dos treinamentos geralmente requerem recursos adicionais e consomem  mais tempo em planejamento, execução e finalização. Como por exemplo: impressão de materiais, limpeza, organização, deslocamento de funcionários e a disponibilidade de todos os colaboradores para a mesma data e horário de realização do treinamento.

Online:

Ao contrário do presencial, as plataformas online não necessitam desta preparação adicional para aplicação dos cursos, além da flexibilidade de tempo. O início do treinamento é imediato e pode ser individual, independente da disponibilidade dos outros colaboradores e realizado em qualquer horário e local.

 

Flexibilidade

Presencial:

A flexibilidade pode ocorrer em relação a extrair suas dúvidas no momento do treinamento e diretamente ao instrutor, gerando discussão e troca de experiências.

Caso o aluno por algum motivo justificável falte ao treinamento, pode haver impedimentos em repor este conteúdo e a falta de disponibilidade em deslocar o colaborador novamente.

Online:

O aluno ou a organização podem optar pela melhor hora e local para a realização do treinamento. A maioria das plataformas online disponibilizam materiais acessíveis para extração de dúvidas recorrentes ao conteúdo do treinamento. Além da flexibilidade de aprendizagem, pois o aluno pode estudar e rever o conteúdo quantas vezes for necessário, sendo uma peça fundamental quando nos referimos à aprendizagem.

 

Conteúdo

Presencial:

Durante os treinamentos aplicados por diversos instrutores é impossível garantir que todos os colaboradores de diferentes empresas, em momentos distintos, recebam um conteúdo com exatamente as mesmas informações padronizadas. Porém, o conteúdo pode ser instruído com melhor facilidade e pode haver troca de interações e experiências com a turma.

Online:

Os treinamentos são disponíveis contendo as mesmas informações padronizadas, independente da empresa ou colaborador, assim as falhas de comunicação são eliminadas. Além disto, o conteúdo estará disposto ao colaborador e a sua disposição para revisar quantas vezes for preciso, facilitando o aprendizado e, consequentemente, a realização das provas.

 

Aprendizagem

Presencial:

Normalmente as pessoas possuem mais facilidade em captar as informações no treinamento presencial, principalmente quem não domina a área de informática e que, possivelmente, teria dificuldades em acessar as plataformas online.

Além disto, no treinamento presencial o aluno tem mais facilidade de se distrair e perder algumas explicações que dificilmente serão repassadas posteriormente.

Online:

Nas plataformas online, os treinamentos normalmente são repassados de forma interativa e dinâmica, para que o aluno melhore seu engajamento nos assuntos relacionados ao tema.

Além da maioria das plataformas de aprendizagem fornecerem diversas ferramentas complementares, como por exemplo: exercícios extras, materiais, vídeos e a possibilidade de revisar o conteúdo periodicamente.

 

Treinamento Prático

Presencial:

Alguns treinamentos necessitam da parte prática, sendo assim, quando os treinamentos são presenciais, o teórico e o prático podem ser realizados no mesmo turno.

Online:

Com os treinamentos nas plataformas online não é possível realizar as atividades práticas. Porém, muitas empresas optam pelo treinamento misto, sendo a parte teórica realizada de forma online, pois pode ter a flexibilidade de data e hora e, a parte prática, é realizada no próprio local de trabalho, de acordo com as exigências previstas pelo Ministério do Trabalho e Emprego.

 

Distância

Presencial:

A distância neste requisito pode gerar dificuldades em conseguir escolas especializadas e instrutores disponíveis para deslocar aos locais distantes.

Online:

As plataformas online geralmente são mais acessíveis quando nos referimos à distância, pois mesmo em lugares mais inacessíveis e distantes, é preciso apenas um computador com acesso à internet.

 

Acompanhamento dos Gestores

Presencial:

Geralmente os gestores não acompanham seus colaboradores durante o treinamento, por questões de flexibilidade de horário, portanto, eles precisam confiar na qualidade dos treinamentos.

Online:

As plataformas de treinamento online permitem que o gestor acompanhe o desenvolvimento do aluno durante a fase de aprendizagem, pois é possível ter acesso às provas, questionários e registros de quando foram feitos e quando precisarão ser reciclados.

Conclusão

Diante das tecnologias que estamos presenciando em nossa linha histórica, acredita-se que as plataformas online de treinamentos irão tomar conta de todo o processo de aprendizagem, pois fatores como: baixo custo, tempo, flexibilidade de horários e praticidade as tornam mais acessíveis às organizações e, com isto, os treinamentos presenciais vão se tornando obsoletos.

Sabemos também que nem todos possuem a mesma facilidade de acesso aos recursos tecnológicos, seja por não ter acesso à internet, analfabetismo ou a falta de familiaridade com os aparelhos eletrônicos. Porém, uma orientação inicial por parte da organização poderia mudar e facilitar o acesso deste público às plataformas de treinamento online.

Quando nos referimos à Segurança do Trabalho, observamos que para alguns cursos são exigidos os conteúdos práticos, sendo necessária a presença de um instrutor. Mas com o avanço dos novos recursos que estão sendo desenvolvidos é possível que a parte prática possa ser atendida de forma virtual e ser conceituado pelo Ministério do Trabalho e Emprego.

Entendendo as possibilidades dos recursos disponíveis, as empresas precisam avaliar sua realidade e escolher o tipo de treinamento mais adequado ao seu quadro de funcionários, seja por meio presencial ou de forma online.

 

Referências Bibliográficas:

MTE – Ministério do Trabalho e Emprego

Ministério da Educação  

Fonte da Imagem:

Freepick

 

Gostou deste post? Então deixe um comentário, compartilhe com a gente e com os nossos demais leitores, a sua opinião e as suas ideias sobre o assunto!